Lançamentos de equipamentos 2015!!

Post mais agradável de escrever do ano talvez hehe

Post mais agradável de escrever do ano talvez hehe

Todo ano na Alemanha tem uma feira onde as marcas de escalada do mundo inteiro lançam as novidades para o ano seguinte. É a OutDoor Friedrichshafen e um dia quem sabe aquela feirinha de carro de Madame, Rapel e tirolesa que tem em São Paulo todo ano consiga se aproximar dessa. Bem, e voltando à feira original alemã, quais às novidades? O Que mais me chamou a atenção foram os Aliens, menores e mais leves, e o novo freio da DMM e o novo megajul, o Jul, para cordas simples. A Desnível espanhola tem feito uma cobertura bem completa do evento, mas vou simplesmente ignorar as novidades de roupas que pra nossa realidade não interessam e focar só nos nossos sonhos de consumo que são os equipamentos de escalada mesmo.  Então, xupizando as fotos deles, vamos lá:

Aleatoriamente, vamos começar pelas cadeirinhas. Nenhuma novidade estonteante, mais do mesmo com algumas marcas simplesmente entrando para a categoria de minimamente aceitáveis como é o caso da Beal e da Camp que não despontaram ainda com cadeirinhas tão sensacionais quanto as da Edelrid ou Arc´teryx, que por terem as melhores cadeirinhas do mercado ha mais de 2 anos, nem colocaram como “novidades” suas cadeirinhas esse ano.

No campo mosquetões, nada muito inovador, a Beal “comprou” a idéia daqueles mosquetões esquisitos que precisa de 32h de treinamento pra poder abrir e fechar da Grivel, e lançou sob seu nome. A Camp reinventa o Nano 23 que vira 22 e fica mais achatadinho. A DMM oferece uma costura de arame (wiregate) extraleve, sem nariz e que custa um rim cada uma (como tudo da DMM né?). Mas quem não quer vender um rim pra ter essas costuras? Tem 2 mesmo!

No ramo das sapatilhas, nenhuma grande sensação como foi a futura e o sistema no Edge. A Five ten lança mais do mesmo com uma nova sapatilha. A La Sportiva lança uma versão de cadarço de suas sapatilhas com sistema no Edge (com as já conhecidas Speedster e Futura) que chama-se Genius. A Scarpa lança mais um sonho de consumo chamada Furia. E deixa todo mundo na fúria pra comprar mais uma Scarpa. Além da Boostix, da Instinct de velcro, da Feroce, da nova Stix… Assim fica dificil né Scarpa!? E eu aqui só com a Instinct de Cadarço e Slipper :/. Teve também algumas novidades pela five ten na parte dos tenis de aproximação com novas cores para o Guide tennie e pro Camp4, e um tenis novo só pra isso. E o Babado do momento é que a Rock Pillars, uma das melhores marcas de Sapatilha da Europa Junto com Laspo e Scarpa deixou de existir! Mas calma, eles não faliram porque são ruins, são tão bons que foram comprados pela já famigerada OCUN da República Tcheca e agora operam sob seu nome, com algumas mudanças em cor de alguns modelos mas nada estrutural; Ufa, você ainda pode ter a sua Ozone ou a Pearl. 😉

E pra encerrar, o hardware que faltava: Freios e agregados. A Edelrid revoluciona mais uma vez melhorando o que já era bom e cria um MegaJul para os esportivistas de plantão, o JUL2 para corda simples. A Camp lança um freiozinho parecido com um Grigrizinho, e a DMM lança novos atc´s e um deles com partes móveis muito esquisitos parecendo uma arma alienígena, mas interessante. Ainda não entendi como funciona apesar de ter no site e no manual 2014 da DMM. Os Friends para colocações pequenas Aliens são reinventados, modernizados e minimizados. Lançam fitas para os ladrões como eu que colocam costurinha e costurão em uma chapa pra duplicar a proteção em crux de vias (confesso que ja tinha pensado porque ninguém tinha pensado nisso antes rsrs). A Evolv lança um esparadrapo sem cola, e a Edelrid mais uma vez inova com uma cordinha de 6mm (da grossura de um cordim) ideal pra quem faz parede e quer rapelar o comprimento total da corda sem ter que levar duas cordas. Também para pequenos acessos, içar pequenas cargas, enfim.

Nossa, fiquei com a mão coçando! Pena que nem metade dessas belezinhas vão chegar por aqui, e quando chegarem vão ser uma piada pronta né? Bem, tomara que role trazer uns Jul2 desses no próximo conteiner da Edelrid pra vocês a preços acessíveis!(tomara que chegue o primeiro conteiner kkkkk)  E a Scarpa hein… ❤ ❤

Vídeos de escalada para todos os gostos

Andrea Cartas é tipo a Janine Cardoso na espanha ;)

Andrea Cartas é tipo a Janine Cardoso na espanha 😉

Bom, vou colocar rapidinho uns vídeos que eu estou acumulando aqui ha alguns dias, todo mundo gosta dos videos, das fotos, então ninguém vai sentir falta do gerador aleatório de blá-blá-blá do Genja hehehe  E preciso por estes vídeos porque ja estamos todos comentando sobre eles, e se vc não os viu, e provavelmente não os viu porque foi escalar no carnaval e não ficou no computador Twitando ou foi pq Bebeste. Anyway, se vc nao viu vai ficar boiando…

E já que viemos em ritmo de (festa, ma oee) carnaval, um vídeo bem fanfarroneado de um polonês escalando na Espanha e mandando tutooo um 8c+ em Oliana, a nova falésia da moda esportiva mundial.  LE PONN PUCHEEEEEEEE

E só porque eu sou fã dos italianos, vai esse de boulder: Christian Core, um dos escaladores boulderistas mais fortes do mundo malhando o que pode vir a ser o primeiro V17 do mundo, um 9A de boulder. Patrocinado pela melhor marca de sapatilhas da face da terra: SCARPA! A-d-o-r-o! (Né Ives?)

E falando em Scarpa, vai aí um videozinho curto de uma dessas feiras de artigos outdoor que tem realmente artigos outdoor e não bolsas Louis Vutton camufladas para o público “madame-paulistana-que-vai-ao-sítio-em-Atibaia-na-semana-santa”. Mas O Foco do vídeo é o cara da Scarpa falando sobre a a linha Instinct, que eu tanto adoro, e sobre o novo lançamento da nova Instinct de Velcro. (SHUT UP AND TAKE MY MONEY)

Bom, e se você voltou do carnaval animado pra treinar,(se não procure um psicólogo) vai aí um vídeo de treino bem legal do Sean MColl mostrando como esmirilhar seus tendões em apenas uma sessão de treino 😉

[update] Tava esquecendo do vídeo da Andrea Cartas, que mandou seu segundo 8c (11a Br) na espanha recentemente. Neste vídeo aparece ela mandando o primeiro, White Zombie, na gruta de Baltzola, no país Basco. Tem o da segunda cadena tbm por aí, mas nao ta la grandes coisas entao nem salvei.

Todo mundo sabe que eu pago maior pau pro Cedar Wright. E nem é porque ele escala tudo isso não, é mais porque ele faz as coisas muito bem feitas (música, vídeos, edições, e até mesmo algumas escaladas). É um cara bem “multifacetado” do tipo que lava, passa, cozinha, lava louça e ainda põe o lixo na rua hehehehe Vídeos dele são na maioria das vezes sinônimo de coisa nova. Destaque para o cachorro giroletando no ar em Slowmotion (acho que a melhor parte do video hehe)

E se você vai fazer um vídeo de boulder, que já é chato, que tal usar a criatividade pra fazer uma coisa grandiosa? Mano, olha que legal o que esse casal conseguiu fazer com poucos minutos de cenas de boulder (também, qualquer vídeo de boulder com mais que isso é bom pra por as crianças na cama). Destaque para o casal Instinct, ela de Sliper e ele de Laces. Please Scarpa, send me the new Instinct VS to try and say good things about it! Grazzie! Detalhe também para o momento igual daquela via de itaqueri entre a motor de lancha e a sinos do barão. (Só os fortes entenderão)

Na sequência, um excelente vídeo Brasileiro que superou minhas expectativas: NO ROPES NO BOLTS. Do Felipe Dallorto e da Flavia dos Anjos. Muito legal a produção, peca um pouco pela falta de FullHD (só esta em 460 no youtoba). Mas o vídeo é legal e prende bem a atenção, os 40 minutos passam rapidão. Fizeram um video muito legal com não tanta escalada assim, aproveitaram do lugar, da historia, das vias, dos locais, ou seja, tudo muito bem encaixado. Legal! Só a parte que eles vão para o GRIT-ISHHTONE no meio que ficou estranho, pois eu esperava que ia ser metade metade, mas quando o filme volta a mostrar Mallorca eles entretêm tanto que nem dá nada!

E no final mas não por último: este vídeo sobre uns russos que vão fazer um bigwall pela primeira vez em yosemite. É interessante de ver os perestroikas treinando com shortinho da copa de 70 em Utah e depois fazendo dedicatoria pra namorada… é outro jeito de ver nossa mesma escalada 🙂

Agora sim, pra finalizar, não podia faltar a alfinetada do dia. O vídeo que TODO BRASILEIRO DEVE VER: Muito Além do peso. Mostrando o lado GORDO da moeda dos alimentos gordurosos e cheios de açucar. Mostra a determinação das crianças em querer emagrecer – em alguns casos – ou de fazer birra e os tontos dos pais darem tudo que ela quer até ela explodir de gorda. É o que eu sempre falo, o problema não é a pessoa ser gorda, o problema é ela comer que nem uma filha da puta pra curar a ansiedade, e depois não fazer exercicio, nem um esporte, e reclamar que a vida é injusta. Um atenuante é que ninguém é obrigado a saber que essas merdas tão gostosas que a gente come fazem tão mal, faz parte da cultura de um povo a questão da cultura alimentar, e no nosso país estamos perdendo isso: Tanto por pais que dão tudo o que os filhos querem e tem preguiça de cozinhar e fazer comida de verdade, quanto da propaganda que vende essas porcarias como se fossem obrigatórias para vc ser uma pessoa normal, iludindo quem não tem senso crítico suficiente para poder discernir entre o que é bom realmente e o que é veneno que ela está ingerindo. Lamentável! Depois vai escalar não sai do chão não sabe porquê?!

É um documentário de mais de 1h, então põe aí nos favoritos e assista amanhã a noite quando você chegar em casa E come um miojo com nuggets

Bom, e chega por hoje pois apesar de eu ter sido sucinto, tem video pacarai. Bom finde, e até a semana com a segunda parte do Artigo sobre móveis! Dessa vez falando sobre cadeiras de balanço e criados mudos. kkkkkkk

Finalmente Notícias de Cadenas Locais!

Hadou-kennnn!!! Rá! Defendí!

O Feriado de finados serviu pra enterrar muitos projetos pendentes. Dei um Jedi na galera (Esses não são os Droids que estamos procurando) e convenci todos a irem pra invernada. A verdade é que não foi nada dificil pois fazia tempo que não íamos lá, todos tinhamos projetos pendentes, tinha chovido de noite e lá não molha E + uma coisa: Prometi equipar a SEXO, SANGUE, SUOR, LÁGRIMAS E GRITARIA pra geral dar um pega pois era meu projeto. É a última via que eu abri na invernada em 2010 com a Júlia Mara e nunca mais tinha voltado lá pra tentar depois que equipei. É uma via mista, de 30m (Isso mesmo, via de 30m!!) negativa de agarrão: um 7c. Ou seja, o Jedi foi só pra fazer piada pq tava todo mundo na pegada, além é claro, de querer variar um pouco o itinerário cusco-itaquerense. Fomos o Cataia e eu, e na sequência chegou o Bonde muito louco Daniel (The Flying DutchMan) e o casal Isabeto. Logo menos chegou o Rafa de descalvado, o mais novo membro do Sanca Pression Team. Depois de (pra variar) aquecer na Caixa de Fósforo  (CdF) me equipei e já cheguei chegando ali na base da “Sexo” (ou SSSLeG). E aí todo mundo tirou a senha e foi aquecendo na CdF também.  Subi pra equipar sem compromisso. Ao mesmo tempo, com a proximidade do RocTrip da PETZL, achei uma decisão salutar estrear as minhas Scarpas Instinct L e Instinct S que estavam na Redoma havia meses pois vai que eu não me habituo, me aperta, me folga, enfim, qualquer besteirinha lá na Patagônia é foda de resolver. Ao mesmo tempo, estreei meu nonagésimo sétimo saquinho de Magnésio. Eu sou meio “FRIKI” (freak) retardado mesmo pra algumas coisas, e acho que depois de 8 anos escalando eu ainda não achei meu saquinho definitivo. Mas essa semana chegou uma leva de SuperBags da 4climb e eu realmente fiquei surpreso com a qualidade dos sacos de Magnésio. Sem sombra de dúvidas é o MELHOR saco de mag do Mercado Brasileiro. Enfim, vou fazer um post-review só dedicado a ele, porque realmente tive que trocar meu importado por ele. O Daniel também estreou sua Feroce nova (Da Scarpa também) que tinha chegado segunda feira.

Nem combina, cê acha?!

Enfim: Outro motivo de eu ter querido estrear a sapata é porque a SSSLeG é uma via de 30m com algumas passagens em positivo entre os negativos, e com um descansão que vc tem que ficar em pé, então uma sapatilha muito apertada (Minha La Sportiva Venom) mói demais o pé da gente. Essa Scarpa eu tinha comprado prum Brother, é um número maior que o que eu uso, mas ele não quis, e eu  me apaixonei por elaestou começando a rever minha política de sapatilhas 18 números menor que meu pé pois depois que vc aprende a usar a sapatilha, ela não precisa estar tão moendo assim (ou pelo menos por enquanto está parecendo). Não na casa dos sétimos e oitavos graus. Bom, no fim das contas fui com a Instinct izliper (é assim né Cataia?) um pouco mais apertada mesmo pois ela eu já conhecia bem la de Rodellar (é praticamente a minha segunda dessas, longa história). Ela é tipo ítem mágico de RPG que quando vc a envoca vc ganha +4 de percepção (para ver mais pézinhos) e +2 de Destreza. Com ela no pé subi equipando a SSSLeG meio que sem compromisso para tirar os moves: passei o primeiro crux de 7b, passei o positivo, e antes da parte em móvel (eu falei que ela tem uma parte em móvel?) achei um descanso de asa de galinha dentro de um buraco bem interessante.

Eu no comecinho da “Sexo, Sangue, Suor, Lágrimas e Gritaria”, 7c

Entrei na parte em móvel e logo já coloquei um TCU 1.25 (equivalente ao Camalot #.5) que ficou supermegabomba e comecei a batalha mental contra a voada. São lances de agarrão, mas é negativo e vc precisa trabalhar bem um pé na direita da fenda e o outro meio de contra diedrando bem alto na esquerda, entao vc acaba ficando meio deitado. Dei meia lua pra frente e soco forte 3x e chamei Exu e Xangô no Grito e consegui chegar no descansão sem mãos do platô, de onde um Camalot #,75 protege a entrada no próximo lance.

Genja (vulgo eu) terminando o primeiro cruxzinho da via (SSSLeG) ao fundo. Rafa de laranja entrando na Caixa

Depois desse descanso são mais duas chapas e um camalot #3 ou #3,5 ou Estico até a base. Sem embaçar muito, abusei dos drop-knees que havia ensaiado semana passada com o Shimoto, costurei uma, costurei duas, dei outro gritinho do Chris Sharma desta vez no último Crux da via e peguei no “agarrão da cadena” que nem é tão agarrão assim, nem é da cadena pq ainda tem o estico até a base, que eu acabei protegendo com o Camalot #3,5. Sensacional!!!! Tive a oportunidade de fazer a primeira repetição da via desde que ela foi aberta. O Beto tinha mandado o FA enquanto eu tava na Espanha.

Sim, é tudo agarrão mesmo. Em 30m de via tem 2 regletes importantes apenas!

Acabei mandando a via equipando, nem esperava, já estava com a meta cumprida, mas já que estávamos ali, bora escala mais malucada!! O Cataia acabou entrando depois, e o Daniel também, porém ambos bombados preferiram não arriscar tomar uma voada nos friends por mais que eu tivesse garantido que tavam bomba. O Beto ainda foi lá e fez a segunda repetição (O viado já tinha feito o FA)

Daniel Holandês na Sexo e Cataia na CdF – depois eles trocaram

Beto entrando na parte móvel da SSSLeG

Mas antes o Beto tava com seu projeto de ânus sendo malhado: Colômbia 8b. Via curta: 3 chapas e base, uma das mais clássicas da Invernada. Ele tava sempre pagando o crux, pegando no “copinho”  e perdendo a cadena por ficar mil anos ajeitando pés. Demos o Beta: MANOOOOOOOO prum cara que faz “teraband” e exercicios pros antagonistas com corda dinâmica como se fosse tripa de mico, tá na hora de vc abusar um pouco. Ele ficava com o braço dobrado se fudendo. Simplifique: faça no monté logo com os braços esticados. Dito e feito, foi lá e mandou!!! Ainda tentou tocar na Narcotráfico mas aí já era o 3° ou 4° pega, nem tinha mais braço pra isso… Só sei que eu fiz a alegria do Holandês pois caí no mesmo copinho da colômbia que o Beto vinha caindo, porém não sei que jeito, ninguem soube explicar, vim giroletando de ponta cabeça, que nem uma hélice de helicóptero num plano não paralelo com nenhum outro conhecido. Fiquei a 20cm do chao. O Holandês foi ao delírio com mais um voador além dele! hahahaha Depois entrei e remandei a via pela primeira vez depois que tinha encadenado.

E aí Daniel, gostou da vuada do Genja? ÊÊÊÊÊEEE!!! Da horaaa!!!! \o/

E aí foi hora da sessão Roling Cones: outra que fazia tanto tempo que não entrava que nem ta mais no meu 8a.nu. Acho que o Pilates foi lindo!!! Mandei o crux com uma solidez ímpar! E aí a galera começou a sessão espanco:

Cataia fazendo o crux do jeito dos anões…

E isa fazendo idênticamente ao Cataia o mesmo move…. malditos anões! hehehhe

VOANDOOOOOO!! =)

Ainda tava com o Tomelirrolímetro a milhão, aproveitei que tinha mais quase 2h de sol (Ahhhhh o horário de verão, seu lindo!! s2 ) peguei minhas costuras, friends mais que decorados e fui na Barranco, pois era projeto do Rafa de Descalvado que mora em Sanca (puts, agora precisamos dar um apelido pra ele pra não confundir com Rafana nem ficar falando toda hora que é o de Descalvado). Mas aproveitei o tomelirrolímetro em “MUITO alta” e toquei a segunda parte, que da um 7c. Puts, a saída pra segunda parte tem uns pezinhos delicados que MANO!! A Instinct de cadarço confortável 1 número maior que a outra mandou mooooito bem! Esse Vibran II é realmente OTO PRANETA em termos de aderência!! Sem contar shape e precisão da sapata né… mas enfim. Acabei parando no último move lá em cima e não mandando desta vez, tava moído, mas é uma via muito boa e sempre gosto de entrar nela! O Cataia também mandou a primeira parte da via, no Flash! TA FoÓOORTE hein neném!??! hehehe Ele também já tinha mandado a CdF no segundo pega! Isso pq o viado ta em época de entrega de TCC e não ta treinando. Imagina se estivesse. :/ Aí o Rafa entrou e depois de 3 idas à invernada e malhos constantes mandou!! Muito bem garoto, me mata de orgulho!!

Rafa parecendo o He-man na Barranco… kkkk Não zoa não pq finalmente ele mandou! 😀

Ói a Forga do Rafa na Caixa enquanto eu to espumando de fazer força ali na SSSLeG! hahaha

Essa foto do Beto ficou bem da hora na Sexo…

Última fotenha das que eu tinha escolhido: Entrando na parde móvel da SSSLeG

E é isso galerinha! O dia na Invernada foi REPETACULÊ com muito Crimb e Cadenas, e estréias também!  Fico aguardando as fotos da txurminha que também fez várias pra decorarmos o Feicibuki e fazer a alegria da blogagem generalizada 🙂

Amanhã não escalaremos pois vamos começar a mexer na Caixa D’água pra montar as vias do Campeonato Caipira! A galerinha daqui tá foóoorte hein neném! Vai treinando daí pra poder concorrer aos melhores prêmios de terceiro lugar! hahahaha

Um vídeo à moda antiga

Nina Caprez! Nos vemos no RocTrip! 🙂

James Pearson e sua namorada Caroline Ciavaldine inovam mais uma vez: Depois do primeiro vídeo que aparecem quase num musical da Broadway, agora aparecem num filme retrô da década de 70 e 80. Com as roupas, equipos, sapatilhas e tudo! Muito legal:

E já que eu comecei a falar, bora mais um:

Continuando na onda do “Stop the Mimimi” de sou alto, sou magro, sou careca, “Ô CARAAAAA” , sou gordo, sou newba, minha sapatilha é nacional (ok, esta vale)… Enfim: este vídeo impressionante: Três escaladores fazendo a ZODIAC no El Capitain (um monolito de 1000m de altura) no parque nacional de Yosemite, na califórnia (o lugar mais famoso de escalada no mundo). Detalhe que o tempo todo tem um cara dando uma de joão sem braço, outro dando mancada e outro fazendo corpo mole! Mas isso não os impede de completar a via, que por si só já arrega muito escaladorzinho de rodapé por aí…

E por falar em rodapé, um videozinho simples porém interessante de boulder com graus baixos (v4, v3, v5…) só postei porque aparece o cara com uma sapatilha igual a minha, que nunca vejo em video nenhum hehehe (uma Feroce, da Scarpa) e porque é rápido.

Pra terminar: um campeonato de escalada muito bom num dos países com a maior crise do mundo, com mais de 28% de desemprego entre a população geral e mais de 50% dessa mesma taxa entre os jovens de 18 a 30 anos. Mesmo assim um super mega campeonato de tirar o chapéu… é o já tradicional DESPLOMAT… Vai ver que com tanto nego desempregado, há tempo de sobra pra escalar! Já dizia uma camiseta de um cara lá em Patones, falésia perto de Madrid: “…Gracias a el paro, subi el Grado..” Algo em portugues como: Graças ao desemprego, subi de grau! hehehe é isso aí, não desanimar nunca!

E chega que este é um post relâmpago!

[E não esqueça de votar na enquete]