Isso aqui ô ô…

Eu ia por a do Daniel na Jhonny Quest, mas a Bia é a Bia né?

Eu ia por a do Daniel na Jhonny Quest, mas a Bia é a Bia né? (Bia na Chorrera Musical, no vale da Perseguida, Serra do Cipó) Foto: Ursa Krenk

Pois é… ressaca braba depois da volta do Cipó. Depois de ficar 11 dias no paraíso, quem quer saber de ir escalar em outro lugar? E trabalhar então… Ainda bem que no Brasil o ano só começa depois do carnaval. Ahhh o Calcário ❤ ainda estou com aquela vontade de empacotar tudo e mudar pra Minas. Divinópolis quem sabe? ô tentação.. Fica a meio caminho do Cipó e de Arcos.

Essa semana voltaram os treinos na Academia Vida e o Pilates na Equilíbrio corporal. É incrível como uma única sessão de pilates já me faz ficar com a postura mais reta ao longo da semana. Mas fora isso estava sendo uma semana bem preguiçosa. Até agora, pois hoje recebi boas notícias no campo dos negócios e já estou motivado a produzir novamente. Croqui de Arcos quem sabe? Do cusco? No campo afetivo por enquanto meu nome continua na boca do sapo, o que é bom porque agora não seria uma boa hora pra pegar uma gripe. Qual será meu horóscopo de hoje?

Áries: Com a vinda da lua cheia e vênus em capricórnio sob o domínio de Júpiter, o período está propício para prosperar nos negócios. Você encontrará uma nova via para se dedicar, por isso, não dê mole nos treinos. Abrir novas vias pode ser legal, mas picos novos é melhor ainda! No quesito relacionamentos: Deixe isso pra lá e vá escalar que é o melhor que tá tendo.

Bem, mas deixando o mimimi de lado, essa semana o Guilherme e eu começamos a por a mão na massa lá na caixa d´água e demos início ao projeto “NORMAL 2.0”. Estamos tirando todas as agarras da face normal da caixa d´água para posterior reforma. As que não saíram por bem, saíram por mal. Tinha agarras com chumbadores e parafusos com mais de 20 anos que só com o girar da chavinha já quebrou. Em outras foi preciso usar uma ferramenta fundamental para a intimidação das agarras jurássicas mais teimosas: O caralhator. Incrível que algumas agarras que faziam vários anos que vínhamos tentando tirar, só pela presença de tal elemento, saíram com certa facilidade sem nem precisar usar a ferramenta! Obviamente que em algumas foi necessário o uso da força. Ossos do ofício. Nesses casos o parafuso que restava estava completamente oxidado, praticamente só tinha pózinho no vão, facilmente martelável para sua remoção. Essa semana terminamos a remoção total das agarras e semana que vem iremos reiniciar os trabalhos adicionando novos furos, reaproveitando os antigos (de mais da metade conseguimos remover o chumbador antigo) e já preparando para a recolocação das agarras para que a parede esteja pronta até o início do ano letivo.

O kit Martelo + Talhadeira (Vulgo caralheitor): Terror das agarras que não quiseram sair.

O kit Martelo + Talhadeira (Vulgo caralheitor): Terror das agarras que não quiseram sair.

Entre treinos, trampos e ficar com as pernas dormentes pendurado 3h na caixa d´água dando manutenção, separei alguns poucos vídeos de climb para hoje. A semana foi fraca de vídeos, mas tem alguns bem legais. Quem sabe semana que vem não tem algumas fotos do Climb do finde, que no fds passado tava foda. Além da ressaca e de todo o saudosismo do calcário, fomos pro Cuscuzeiro e as agarras estavam mó escorreguentas. E tava seco!(Calor do caralho). Secava a mão na camisa, passava mag, e a próxima agarra tava que fazia <<PFZRRR>> (onomatopéia praquele barulho tipo qdo vc pisa descalço na merda). Não sei se por causa disso, tomei uma vuada histórica na Leite com Pera, via com a qual mantenho uma relação de amor e ódio. Fui costurar a segunda, puxei um, dois, puxei três braços de corda e o pé resvalou… OLHO NO LANCEEEEEEE……  (do segundo 13 ao 23 apenas é a piada no vídeo a seguir)

Voei. Decolei. Uns 10 metrinhos pra não dizer que sou exagerado (mas certeza que foram 12!). Uma queda limpa, suave, tranquila, com gritinho homossexual no meio, mas tudo bem hehehe A Leite com pera pra quem não sabe é a continuação da Manga com Leite, então já começa nos seus 18m.

O primeiro vídeo de hoje é do perrengue que o Edu Marín e a Sasha “Cor de rosa” Digiulian passaram nas dolomitas. Repetiram um 10c do Alex hubber de 600m mas nem tudo saiu como planejado. Não é uma obra prima dos filmes de escalada mas é massa ver que os pros também se fodem de vez em quando hahaha E fica a pergunta que não quer calar: SERÁ QUE ROLOU? É massa ver que os pros também se fodem de vez em quando #2 hahaha

Falando em Sasha, saiu também esse, agora muuuuuito melhor, sobre ela e seu rolêzinho na África do Sul. Eu gostei, apesar dos comentários sobre racismo e como os locais são colocados como parte do cenário e não na mesma altura da protagonista. Tem sempre os “Haters gonna hate” hehehe

Não consegui colocar aqui de jeito nenhum, então clica aqui!

Esse aqui é tipo um vídeo-biografia-apresentação de um atleta Edelrid da espanha, no qual ele repete um 9b/c  que teve um significado histórico em sua época.

E já que o assunto é a Edelrid, que tal conhecer uma das maiores fabricas de cordas do mundo, com 150 anos de história? Essa fábrica é gigante e eu tive a oportunidade de conhecer pessoalmente. É um puuuuta trampo, realmente só tendo 150 anos pra manjar dos paranauê de como fazer cordas bem feitas, de maneira ágil e com as tecnologias pra aumentar a durabilidade da corda, inclusive nas mais baratas!!

E pra finalizar, mais um episódio das aventuras de James Pearson e Caroline Ciavaldini pela Turquia produzido pelo Brasileiro Francisco Taranto Jr. Massa demás!

Já saiu o episódio 5, mas como não da pra colocar aqui (nao ta no youtube, so na pagina deles) não vou colocar o link ainda!

Pra terminar, não deixe de ler o Blog da Ursa com fotos à lá Naoki Arima de sua trip pro Cipó. Está imperdível as impressões de uma Gringa sobre o melhor pico de climb do mundo Brasil!

http://ursagoesaroundtheworld.blogspot.com.br

E po-por hoje é so-só pe-pessoa-al!!