Quais as suas Metas para 2013?

Teresa Troya encadena seu primeiro 10b em Oliana

Teresa Troya encadena seu primeiro 10c em Oliana

Ta, beleza, eu sei que ja passou 1/3 do ano praticamente (foda né mano?!) e chovendo mas como eu estava de licença pelo departamento médico do SCPT, não tinha muitas ilusões muito menos ficava pensando no que eu queria escalar, a meta era sarar. As metas são muito importantes pois desta forma traçamos um objetivo lá na frente e caminhamos em direção a ele. Dessa forma temos algo pelo que lutar e seguir em frente, uma direção a seguir em vez de ficar estagnado no lugar andando em círculos (fazendo os mesmos 5 quintos graus a vida inteira). O fato é que para 2013 eu tenho uma meia dúzia de vias que eu gostaria de mandar no Cuscuzeiro e em Itaqueri, outras em outros picos por aí (AKA: Cipó e São Bento) e beleza, daqui a pouco vou até listá-las. Mas sinceramente o meu maior desejo para este ano, é de longe, que seja aberto um pico novo de escalada aqui na região. Acho muito importante (e quase um clichê dizer isso) a abertura de vias, mas também acho que chega uma hora que tirar leite de pedra não vira mais. Não que não seja válido, eu mesmo tenho uns 4 projetos pra furar no cuscuzeiro, e irei abri-los com certeza. Só que ao mesmo tempo, parece que chega um ponto em que os picos alcançam uma certa saturação. Essa saturação pode ser física: bater chapas de vias inteiras colaterais com 1m de distância entre elas pode ser muito conveniente, mas será mesmo necessário? A espanha passou por esse processo 20 anos atrás, é natural, mas hoje eles já tentam evitar tamanha aglomeração de vias pois viram que não da muito certo, optando por deixar as vias mais espaçadas, o que também acaba sendo bom pra evitar tanto crowd no pico (qto mais vias, mais gente irá nele). E claro, existe outro tipo de saturação que é a saturação mental de ir sempre pro mesmo lugar (independente de escalar as mesmas vias ou não). Aí que entra a necessidade de um pico novo. Seria tão bom se todo o esforço investido na abertura de uma via, vez ou outra fosse aplicado de forma mais eficiente buscando um novo lugar com grande potencial para se abrir novas vias. Uma falésia nova. E essa é minha meta para 2013. Estou deixando objetivos e graus em segundo plano. Estou entrando no plano paralelo da Busca. Continuo treinando 2x por semana, e tendo meus projetinhos de curto prazo, é claro, porque não se esqueçam que eu ainda gosto de escalar, apesar do que pensam os mais Xiitas (Chatopacaralho). Quem sabe buscando, a gente não acha uma falésia nova, de 50m, negativa cheia de agarras, onde sairão dezenas de sétimos, oitavos e nonos de continuidade com rocha boa e acesso fácil e liberação total por parte dos donos? Não custa sonhar né? Vamos em busca! Só que tem aquele negócio: Apesar da premissa que quem quer arranja um jeito, quem Não quer arranja uma desculpa, também tem aquela de que uma Andorinha só não faz verão. Bora pilhar-nos uns aos outros para fazermos juntos galera! Quem topa?

Nesse sentido comprei mais de 600 chapas pra colocar a disposição na Quero Escalar pra quem quiser conquistar vias com a gente, tão pra chegar essa semana, u-hu!!! Agora o que precisamos é daquele sangue novo cheio de gás pra motivar e aprender com os mais velhos (e não fazer cagadaaaa) a minuciosa arte da abertura de vias.

E para que ninguém fique entediado com um post meramente descritivo, vou colocar uns vídeos motivacionais!!

Esse vídeo é muito legal: O cara se coloca pra fazer 35 vias no dia de seu aniversário de 35 anos… Sob um ponto de vista tocante daqueles que dá vontade de largar tudo e ir morar no cipó… (Ou em Utah, com suas fendas perfeitas)

E já que estamos falando de motivação, aí vai o pouco visto vídeo do Adam Ondra mandando a via mais foda até então, a “The Change”, graduada em 9b+ (12c brasileiro) num pico relativamente novo na Noruega.

E esse é mais um exemplo motivacional de superação. O cara passa de obeso mórbido a escalador. Até aí tudo bem, mais um, palmas pra ele. BOM. Só que tem um detalhe sórdido no meio: Ele faz isso comendo no MacDonalds!!! Puts… fudeooo negada. Bora trocar a cerveja pós Climb pelo MacChedar? Hmm… Nãaaaaooo…

E para fazer justiça, falei tanto da caixa de Pandora outro dia, coloquei o vídeo do Animal, mas não pus o vídeo mais clássico que crescemos assistindo, que é o vídeo do Rafa e do Kalango malhando-a, em meados de 2003! Agora sim! E o melhor, a via teve mais uma ascenção de lá pra cá, tendo sido encadenada Pelo Guilherme com o menor número de pegas da história! Esse menino é bão demais! Equipe Quero Escalar matando a todos de Orgulho!

Agora sinceramente, respondam aí nos comentários: QUAL SEU PROJETO para 2013? Qual via? Qual viagem? E olha que se disser apenas um grau vai ter que dizer qual via especificamente hein?! Pq falar: SABE CARA, UM DIA EU AINDA VOU MANDAR UM NONO não quer dizer nada. Agora, quando você diz: Vou malhar e mandar AQUELA via… aíiiii a ordem das coisas no universo mudam e tudo passa a conspirar a seu favor!!

E uma última coisa:

Camisetas do SCPT representando no Petzl RocTrip - Quem vai querer?

Camisetas do SCPT representando no Petzl RocTrip – Quem vai querer?

PS – Estamos pra pedir mais camisetas do SCPT, quem vai querer?

Anúncios

3 pensamentos sobre “Quais as suas Metas para 2013?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s